Notícias

Sucesso na Agricultura de Banabuiú é destaque na mídia da região

Diário de Quixadá destaca os cases de sucesso com os agricutores graças ao trabalho da pasta municipal

POR JOSÉ AVELINO NETO | 03 DE SETEMBRO DE 2018 | 19

Com o nome "A Agricultura que dá certo", o site de notícias do Sertão Central, Diário de Quixadá, lançou na última semana uma série de reportagens que vão mostrar em detalhes os exemplos de sucesso no trabalho desenvolvido pela Secretaria de Agricultura de Banabuiú.

Conforme o site, a série será dividida em três reportagens. A primeira delas mostrou os exemplos de atuação técnica de profissionais da agricultura e do meio ambiente no campo, auxiliando o trabalho que é desenvolvido pelos agricutores e pecuaristas.

O portal do Governo Municipal de Banabuiú reproduz abaixo o texto na íntegra da primeira reportagem lançada no site.

__________
Uma das maiores forças econômicas do Brasil está no campo. De acordo com o Governo Federal, a agricultura familiar gera uma economia de US$ 55,2 bilhões ao ano. Os números são de junho último, revelados após um cruzamento de dados do Banco Mundial com o Ministério da Agricultura. A atividade é responsável pela força econômica de 90% dos municípios do país com menos de 20 mil habitantes. E não adianta questionar: ainda que o Brasil tentasse gerar renda só com a agricultura familiar, o país deixaria para trás grandes potências como China e Índia.

Os números mostram que a agricultura familiar passou a ser uma prioridade. E mesmo em cidades marcadas pela seca o assunto passou a ganhar a atenção. É o caso de Banabuiú, onde a gestão do município coloca em prática estratégias que elevam o potencial da agricultura, ajudando a mudar a vida de sertanejos. O Diário de Quixadá produziu uma série de reportagens especiais sobre a agricultura da cidade, que serão apresentadas ao longo das próximas três semanas.

Muitos resumem o trabalho de uma administração ao que ocorre nos centros urbanos. Mas em Banabuiú, é na zona rural que está uma das iniciativas de maior sucesso. Há dois anos o programa Hora de Arar tem sido um serviço sagrado às famílias que lutavam para tirar do que plantava o próprio sustento. “É um programa para todos os agricultores do Município, que ajuda muito na produção da lavoura e na economia daquelas famílias”, explica o secretário de agricultura de Banabuiú, Romário Lima.

Por meio do Hora de Arar máquinas da prefeitura aram a terra dos agricultores cadastrados. O serviço é gratuito, eles não precisam pagar nada pelo trabalho das máquinas. O programa é financiado com recursos próprios e já está em prática há dois anos. Aproximadamente 1.500 famílias já foram beneficiadas a cada ano, graças a ação. O prefeito de Banabuiú, Edinho Nobre, comemora os resultados da iniciativa. “Esse programa é nosso, criamos ele no nosso governo, e tem ajudado a muita gente. Você não tem ideia do que ele promove de bom na vida dessa gente. Antes eles nem tinham essa ajuda”, garante o gestor.

O Hora de Arar funciona nos primeiros meses do ano. Mas há ações que assistem os agricultores o ano inteiro. Um exemplo é a assistência técnica aos produtores. Diariamente, vários profissionais cortam estradas da zona rural para prestar auxílio aos agricultores no manejo de plantas e cultivo de leguminosas.

Foi numa dessas visitas que o agricultor Jeremias do Nascimento soube como otimizar a produção de uma pequena lavoura de jerimum, melancia e de feijão. Do que já plantou e vendeu nos anteriores, ele juntou dinheiro para comprar carros-pipa de água e ter a plantação sempre agoada, por isso ter um técnico perto dele todo dia é uma tarefa necessária. “Se eu tivesse tudo isso, mas se não soubesse como fazer direito, eu nem teria mais vingado não. Por seca a gente passa muito, e tem que ter ajuda de alguém que tenha sabedoria pra ajudar a gente”, diz ele.

Levar técnicos e profissionais do campo de encontro a essa gente é uma prática constante. No último mês, a secretaria promoveu o primeiro dia de campo, reunindo profissionais das mais diversas áreas que ajudaram a levar conhecimento sobre ração animal, inseminação, energia solar e melhor produtividade no cultivo de leite. O encontro aconteceu na fazenda Várzea do Exu, do proprietário José Wilson. “Com iniciativas como essa, nós reforçamos a nossa política de prestar uma assistência e um acompanhamento a nossa comunidade”, afirmou o secretário Romário Lima.

E em Banabuiú, quem é criador de bovinos é beneficiado com o programa de melhoria genética, tendo acesso a um banco de semen disponibilizado pelo município. O manejo reprodutivo e o processo de inseminação é acompanhado por um médico veterinário, que visita os produtores de casa em casa.

“Graças a esse programa a gente tem auxiliado a muitos agricultores que precisavam de um acompanhamento. Muitos deles investiam caro porque há tempos já trabalhavam com melhoramento genético. E nós atentos a isso, trouxemos mais esse benefício”, completa Romário.

Os conceitos básicos e mais importantes da prática, já foram inclusive oferecidos por meio de um curso, oferecido gratuitamente no município através de uma parceria com o Serviço Nacional da Aprendizagem Rural. As aulas aconteciam no campo, com experiências práticas, dando uma oportunidade única aos alunos que aprendiam como realizar os experimentos no rebanho.

“Nós temos feito muito pela agricultura. Temos ajudado essa gente, e é isso que dá mais prazer à nossa gestão: ajudar a quem mais necessita. Botar esses técnicos no meio do campo, ajudando esse povo. A gente quer fazer muito mais”, disse Edinho Nobre.

Na próxima semana: saiba como a Agricultura de Banabuiú, um dos municípios que mais sofrem em épocas de seca, supera os problemas da estiagem. Entre as ações desenvolvidas está a recuperação de barragens, o cultivo de palma forrageira, uma iniciativa pioneira em tempos de escassez, e a política de abastecimento por meio de adutoras e dessalinizadores, obras abandonadas que agora passam a ser recuperadas e reativadas em prol da população.

 

Deixe seu comentário

Prefeitura Municipal de Banabuiú

LOCALIZAÇÃO

 Av. Queiroz Pessoa, nº 435 Centro

 (88) 9.9784-3065

 gabinete@banabuiu.ce.gov.br

REDES SOCIAIS